4 de Julho, Sábado da Décima Terceira Semana do Tempos Comum

Leituras: : Amós 9,11-15

                                                                                  Evangelho: Mateus 9,14-17

Leitura Patrística

Das «Sentenças dos Pais» e das Narrativas de João Mosco e outros

Converte-te e volta ao Senhor

Converte-te e volta ao temor do teu Deus; jejua, reza, chora e invoca-o com perseverança. Dá-me ocasião de louvar-te, de fazer subir a Deus as tuas boas obras, o perfume suave do teu jejum, da tua esmola, da tua oração, da tua caridade para com os pobres, a fim de que se alegre a minha face com os anjos meus irmãos, e o Espírito Santo desça sobre ti; e imediatamente serás contado entre os justos e os bons, que ouvirão o convite para entrar na glória no dia do juízo.

Volta, ó alma, ao Senhor, com a penitência, pois ela te aproxima dele e ele é bom.

O que é a penitência? Abandona o pecado e o desejo de pecar, deixa as obras antigas e aceita uma regra de vida com frequentes jejuns, oração assídua, dedicação sem esmorecimento, lágrimas dia e noite.

Busca o amor dos pobres, que para Deus vale mais que um sacrifício; afasta o teu corpo dos prazeres e cuida de satisfazer a tua alma; purifica as tuas manchas para conheceres a doçura do Senhor; e a sua luz, descendo sobre ti, haverá de livrar-te da tentação do inimigo. Porque o Senhor prometeu acolher os que a ele recorrem, concedendo-lhes a sua misericórdia.

Fica bem atento; abandona as reuniões mundanas, o comer e beber demasiados, para não perderes o que o Senhor prometeu aos bons e justos. E assim, ó alma, a tua habitação será agora construída com as tuas boas obras, e tua lâmpada brilhará nos céus com o óleo da tua misericórdia. Crê na palavra pronunciada por nosso Senhor no santo evangelho: Eu sou manso e humilde e o meu fardo é leve. Vinde a mim, todos vós que estais cansados e eu vos aliviarei (Mt 11,29.30.28).

Pobre alma, muitos são os teus pecados, mas a sua misericórdia é maior do que os pecados de todo o universo. Aproxima-te do seu perdão e da sua misericórdia e ele fará resplandecer sobre ti o seu Espírito. Lava com lágrimas os teus pecados e a bondade descerá sobre ti.

Eis que te ensinei todas as coisas e te mostrei o caminho da vida, que é a penitência. Ela te aproximará do Senhor e te fará saborear o alimento celeste. Reveste os pobres com tuas roupas, protegendo-os do frio no inverno; alimenta-os com fartura, multiplicando os teus jejuns. Converte-te e retorna ao Senhor, aproxima-te da sua infinita misericórdia, prometida aos que o invocam.

Ó alma, nosso Senhor disse: Quanto àquele dia e àquela hora, ninguém o sabe (Mt 24,36). Corre, portanto velozmente, para alcançares a salvação; faze a tua oferta e adquire, agindo, a paciência, a humildade, o silêncio, a pureza, o amor dos pobres, acumulando obras de justiça. Se procederes assim, todos os bens virão a ti. E glória e honra a nosso Senhor Jesus Cristo, Filho de Deus, por todos os séculos dos séculos. Amém.